Maria Lúcia Augusta de Oliveira Simões

n: 11 Setembro 1861, f: 23 Julho 1895
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Pedro Oliveira Simões

n: 22 Junho 2003
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Sabino de Ceia Simões

o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Isabel de Faria de Siqueira

Citações

  1. Anotado pelo Visconde da Cortegaça Nobiliário de Alentem, do anotador, Lisboa, 1º (1955).
  2. Felgueiras Gaio Nobiliario de Famílias de Portugal, n.pub., n.p., fonte deconhecida edition (fonte deconhecida publish date).
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Alfons Skilandat

o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Brigitt Laborinho Delgado Skilandat

n: 10 Maio 1983
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Maria Lourenço de Soalhães1,2

Citações

  1. Manuel Soares de Albergaria Paes de Melo Soares de Albergaria, Edição de Autor, n.p., 1ª Edição (1951) fonte deconhecida isbn "pag 41."
  2. Felgueiras Gaio Nobiliário das Familias de Portugal, Carvalhos de Basto, Braga, (1989) "Vol IX, pag 478 (Soares de Albergaria)."
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Maria Violante Soares Barbosa de Ceia

f: 26 Agosto 1849
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Ana Barbara Soares Barbosa

n: 1788, f: 22 Agosto 1868

Familia: Ten-cor. William Charters n: 20 Out 1783, f: 25 Nov 1839

o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Pe. Dr. António Soares Barbosa

n: 5 Maio 1734, f: 3 Março 1801

  • Nota: Presbítero secular, formado no Seminário Episcopal de Coimbra, onde chegou a ser Professor de Filosofia.
    Bacharel em Cânones, 15.5.1761; Formatura, 16.6.1761.
    Tomou o capelo na Univ de Coimbra, como clérico, em distrito canónico em 1761; foi nomeado Professor de lógica na Faculdade de Filosofia em 1772; decano da Faculdade de Filosofia em 1791 e director fa Faculdade de Filosofia (29.3.1791-1800). Jubilado por Carta Régia de 23.2.1790. Foi sócio da Academia Real das Ciencias e deputado da Junta da Directoria Geral de Estudos e Escolas do Reino em 1799. Escreveu muitas obras, algumas notáveis.

    Teve um Colégio com o seu nome em Ansião.1,2
  • Nascimento: 5 Maio 1734; Ansião, Ansião, Ansião; grandes duvidas sobre esta data3
  • Falecimento: 3 Março 1801; S. João de Almedina, Coimbra, Coimbra; ficou enterrado na igreja de S. João de Almedina (AUCoimbra, Óbitos, Coimbra, Almedina, Liv 1747 -1803, fl.136)

Citações

  1. Ricardo Charters d'Azevedo, Ana Margarida Portela e Francisco Queiroz Villa Portela - os Charters d'Azevedo em Leiria e as suas relações familiares (século XIX), Gradiva, 2007.
  2. Manuel Augusto (Coord) Rodrigues Memória Professorum Universitais Conimbrigensis 1772-1937 - Vol II, Universidade de Coimbra, Coimbra, 1992.
  3. Manuel Augusto Rodrigues Memória Professorum Universitatis Conimbrigensis 1772 - 1937, Arquivo da Univrsidade de Coimbra, Coimbra, 1ª ed. (1992) 9725940695 "pag 274."
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Custódia Soares Barbosa

n: 13 Dezembro 1744
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Pe. Dr Jerónimo Soares Barbosa

n: 24 Janeiro 1737, f: 5 Janeiro 1816

Citações

  1. Ricardo Charters d'Azevedo, Ana Margarida Portela e Francisco Queiroz Villa Portela - os Charters d'Azevedo em Leiria e as suas relações familiares (século XIX), Gradiva, 2007.
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Ten. Jerónimo Soares Barbosa

f: 29 Abril 1816
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Dr. Luís Soares Barbosa

n: 16 Julho 1742, f: 20 Agosto 1823
  • Casamento: Principal=Joana Tomásia de Ceia Fortes
  • Nascimento: 16 Julho 1742; Ansião, Ansião, Ansião
  • Nota: 10 Outubro 1813; tem casas em Leiria onde compareceu o tablião José Matos Falcão do 1º cartorio de Leiria para fazer um aforamento e um terrenos e casas na batalha (notas de José Matos Falcão, 1º Ofício de Leiria, Liv. 11.4.1813 - 1.3.1814, fl 74v a 75 - cota ADLeiria, V60-D-02)
  • Falecimento: 20 Agosto 1823; Leiria, Leiria, Leiria; (RP, Leiria, Leiria, Lv. 1 F / 44, 70 Vº)

Familia: Joana Tomásia de Ceia Fortes n: 12 Dez 1754, f: 19 Ago 1835

o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Mafalda Lúcia Soares Barbosa

n: 2 Dezembro 1827
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Mariana Soares Barbosa

n: 24 Abril 1739
  • Baptism: 24 Abril 1739; Ansião, Ansião, Ansião; (ADLeiria, Leiria, Ansião, Baptismos, Liv 1723 a 1764, fl 86 (1ª parte)) No registo ha nitidamente um engano pois está escrito 1729 , mas antes e depois os registos são de 1739.
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Dr. Nicolau José Soares Barbosa

n: 13 Abril 1750, f: 28 Dezembro 1833
  • Nota: O bacharel Nicolau Soares Barbosa, foi nomeando, 16 de Fevereiro de 1774, tendo ele 23 anos, para o lugar de professor da língua grega da Vila de Tomar (Registo Geral de Mercês, D. José I, liv 26, fl 366v) foi professor de gramática no Colégio das Artes (era-o já em 1795) e acabou a carreira académica na qualidade de lente jubilado na cadeira de Retórica e Poética na Universidade de Coimbra (temos referencia dele em 1812 neste lugar). Morreu , com 83 anos) na sua quinta e Monte Arroio, Coimbra, onde lavrou testamento no dia 10 de Maio de 1829. O testamento foi entregue ao prior de S. João de Almedina, João de Morais Coutinho que o abriu e tornou público, na dita quinta, no dia 28 de Dezembro de 1833, ano da morte do testador. Nele manifesta o desejo de ser sepultado na Igreja de S. João de Almedina por motivo de nesse templo se encontrarem os restos mortais de sua família.
    No testamento Nicolau declara "deixo três testamentos aprovados e sentenciados. O primeiro de meu Irmão o Senhor Doutor António Soares Barbosa, pelo qual deixou a minha Irmã a Senhora Dona Teresa Angélica Soares Barbosa herdeira sua universal de todos os seus bens de raiz e móveis. O segundo da minha sobredita Irmã e Senhora, em que ela também nomeou meu Irmão e Senhor Doutor Jerónimo Soares Barbosa, que me instituiu por seu testamento seu testamenteiro e herdeiro seu universal de todos os seus bens de raiz e móveis, assim adquiridos e herdados e a meu Irmão Senhor Doutor Luís Soares Barbosa deixou um legado em dinheiro metálico e bens de raiz, que eu lhe entreguei e de cuja entrega se passou uma quitação feita de seu punho e reconhecida por tabelião, a qual se acha junta com o sobredito testamento. Por motivos e razões particulares me vejo obrigado a fazer todas estas declarações para que conste ao Público que eu sou legítimo possuidor de todos os bens de que passo a testar pela maneira seguinte. Nomeio pois por Herdeiros meus universais e testamenteiros os meus Sobrinhos o Senhor Doutor Aureliano Pereira Frazão d'Aguiar e a Senhora Dona Joaquina Eufrásia Soares Barbosa, os quais em virtude deste meu testamento ficarão senhores de todos os meus bens de raiz e móveis assim adquiridos como herdados que possuo tanto em Ansião e seus contornos, como em Coimbra e seus subúrbios e no Campo de Maiorca (hoje no concelho da Figueira da Foz). Deixo outrossim a minhas sobrinhas as Senhoras Dona Maria Violante Soares Barbosa, Dona Ana Bárbara Soares Barbosa, Dona Violante Rosa Soares Barbosa, casadas, estabelecidas na Cidade de Leiria, quatrocentos mil reis a cada uma em dinheiro metálico."
    O testamento contemplou também os seus criados e consignou os dinheiros sobrantes da execução dos legados e provenientes do Cofre da Universidade e do Cofre do Subsídio da Provedoria do Porto e também de algumas dívidas de particulares de que deixou escrituras e assentos, ao Sufrágios de Missas, Esmolas e Orações pela sua alma e pelas almas de seus Irmãos, Irmãs e Pais. Estipula que as missas serão ditas na Igreja de S. João de Almedina em número de "seiscentas de esmola de duzentos e quarenta reis."
    O testamento contém uma curiosa disposição, que, porventura, será de estilo, e que reza assim: "E se algum dos interessados nele quiser litigar em juízo sobre o que nele disponho, o hei por esse facto excluído do que lhe deixo no mesmo testamento e que nesse caso será distribuído pelos Co-herdeiros."
    Segundo José Frazão, trineto de Aureliano e Joaquina Eufrasia, teor desta disposição associada às declarações, que Nicolau se sentiu obrigado a fazer para atestar o título de legítimo possuidor do património que deixou em testamento, leva-me a pensar que haveria contestatários entre os seus sobrinhos. Não restam dúvidas que Aureliano e Joaquina Eufrásia, ficaram com a parte do leão; as outras sobrinhas ficaram com os despojos e isso, se imagina, não terá sido aceite de ânimo pacífico.
    A preferência por estes sobrinhos, supõe-se, decorreria do facto de existir entre eles uma mais íntima ligação familiar, uma vez que viviam na mesma cidade, e daí ter sido ele escolhido para padrinho de baptismo do sobrinho-neto António de Aguiar Pereira Frazão Soares, bisavô de José Frazão.
  • Nascimento: 13 Abril 1750; Ansião, Ansião, Ansião
  • Falecimento: 28 Dezembro 1833; Quinta do Monte Arroio, S. João de Almedina, Coimbra, Coimbra; (AUCoimbra, Óbitos, Coimbra, Almedina, fl. 70 e 70v).
    Lavrou testamento a 10 de Maio de 1829 tendo entregue o testamento ao prior de S. João de Almedina, João de Morais Coutinho que o abriu e tornou publico, na quinta de Monte Arroio, em Coimbra, a 23 de Dezembro de 1833
    Tinha um "oratório" na Igreja de Almedina (ver registo de casamento de sua sobrinha Joaquina Soares Barbosa)
  • Enterro: 29 Dezembro 1833; Igreja de S. João, S. João de Almedina, Coimbra, Coimbra; (AUCoimbra, Óbitos, Coimbra, Almedina, fl 70 e 70v)
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Teresa Angélica Soares Barbosa

n: 30 Junho 1747
  • Nascimento: 30 Junho 1747; Ansião, Ansião, Ansião; (ADLeiria, Leiria, Ansião, Baptismos, Liv. 1723 a 1764, fl 85 a 85v)
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Alfredo Soares de Albergaria

n: 14 Novembro 1850
  • Nascimento: 14 Novembro 1850; Sé, Leiria, Leiria; (ADLeiria, Baptismos, Leiria, Paróquia da Sé, fl. 210)
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"

Alfredo Athayde Soares de Albergaria

  • Nota: 1812; Vereador da CMLeiria em 1812
o responsável por este sítio agradece quaisquer outras indicações sobre este indivíduo que podem ser enviadas para o nome referido no "pé de página"